Centro de Estudos e Pesquisa sobre Álcool e outras Drogas

Seja Bem-Vindo

10 DE OUTUBRO – DIA INTERNACIONAL DA SAÚDE MENTAL

Desde o ano de 1992 o dia 10 de outubro é considerado como o Dia Internacional da Saúde Mental e possui o intuito de demonstrar a importância de cuidarmos da nossa Saúde Mental.O conceito de saúde diz respeito a um estado de completo bem-estar físico, mental e social definido pela própria Organização Mundial de Saúde (OMS). A saúde mental é uma das áreas mais negligenciadas da saúde pública. Cerca de 1 bilhão de pessoas vivem com transtorno mental, 3 milhões de pessoas morrem todos os anos devido ao uso nocivo do álcool e uma pessoa morre a cada 40 segundos por suicídio.

Brasil é exemplo no combate ao tabagismo

Brasil se tornou referência internacional no combate ao tabagismo, tendo alcançado o mais alto nível das seis medidas Mpower (plano para reverter a epidemia do tabaco) de controle do tabaco. São elas: monitorar o uso do tabaco e as políticas de prevenção; proteger as pessoas contra o tabagismo; oferecer ajuda para parar de fumar; avisar sobre os perigos do tabaco; aplicar proibições à publicidade, promoção e patrocínio do tabaco; e aumentar os impostos sobre o tabaco.

Dia Mundial sem Tabaco

O Dia Mundial Sem Tabaco – 31 de maio – foi criado em 1987 pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para alertar sobre as doenças e mortes evitáveis relacionadas ao tabagismo.

Web Palestra Ansiedade e Depressão: O que você deve saber?

No dia 10 de outubro de 2019, em homenagem ao Dia Mundial da Saúde Mental, a Profª Drª Marluce Mechelli de Siqueira irá debater na webpalestra o tema: "Ansiedade e Depressão: o que você deve saber?", no Telessaúde ES às 15 horas.

Será abordado o conceito e classificação de ansiedade e depressão; Sinais e sintomas; Como ajudar - a curto, médio e longo prazo e; os impactos individuais e coletivos.

A WebPalestra acontecerá no link abaixo: 

XVIII Ciclo de Debates: Drogas, e eu com isso?

O Centro de Estudos e Pesquisas sobre Álcool e outras Drogas (CEPAD) da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) realizará o XVIII Ciclo de Debates: Drogas, e eu com isso? com o tema “Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PICS), na promoção da Saúde Mental“.
 
O evento acontecerá no Auditório Rosa Mª Costa Rego Paranhos (pavilhão de aulas) localizado no campus de Maruípeno no dia 19 de Outubro de 2018 a partir das 08:00 horas.
 

I Congresso Internacional Interuniversitário sobre a Pobreza no Mundo: impactos sobre o desenvolvimento da infância de adolescência

ntre 13 e 14 de outubro, a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) recebe a versão nacional do “I Congresso Internacional Interuniversitário sobre a Pobreza no Mundo: impactos sobre o desenvolvimento da infância de adolescência”, que durante um ano percorrerá, ao todo, mais de 30 universidades de Espanha, Portugal, Marrocos, Colômbia, e por fim Paraguai, onde apresentará conclusões no VII Congresso Mundial pelos direitos da Infância e da Adolescência. Inscrição

Processo seletivo 2016/2: Ingresso de alunos da graduação

O CEPAD estará recebendo, até 04 de novembro, a documentação dos alunos e alunas do terceiro e do quarto período do curso de Enfermagem que tenham interesse no Centro de Estudos e Pesquisas e que queiram fazer parte da equipe.

CRR-ES divulga inscrição de Capacitação sobre crack, álcool e outras drogas com enfoque na reinserção social e intersetorialidade

O Centro Regional de Referência sobre Drogas do Espírito Santo (CRR-ES) abriu as inscrições do Curso 3 - Capacitação sobre crack, álcool e outras drogas com enfoque na reinserção social e intersetorialidade.

Sendo direcionado aos profissionais de lideranças comunitárias e da assistência social, saúde, segurança pública, justiça e direitos humanos. E as vagas destinadas, prioritariamente, aos profissionais atuantes nos municípios de Vitória, Vila Velha e aos demais municípios.

Práticas Integrativas e Complementares em Saúde

O uso das PICS tem crescido de forma global, mesmo em países desenvolvidos onde a medicina convencional ou alopática tem se estabelecido nos sistemas de saúde, como os Estados Unidos e muitos países europeus. Os dois sistemas de cuidado, a Medicina Tradicional e Complementar e a medicina ocidental, não precisam se confrontar. Esses sistemas podem se completar em uma harmonia benéfica, usando os melhores recursos que cada um oferece.

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910